Como solicitar a segunda via do RG?

Se você perdeu os seus documentos de identificação pessoal, como o RG, saiba como solicitar a segunda via. Essa perda pode ser muito preocupante, por diversos fatores. Hoje em dia, as pessoas aplicam golpes e fraudes com mais facilidade, e se alguém mal intencionado está com o seu documento, isso é uma preocupação.

Além disso, para acessar diversos locais ou utilizas determinados serviços, é preciso ter em mãos o seu documento mais importante, o RG. Então, se você tem dúvidas de como solicitar a segunda via do RG, continue com a leitura.

Emissão da segunda via do RG

O RG, ou o Documento de Identidade, tem a validade de 10 anos após emitir pela primeira vez. Nesse sentido, mesmo que você não tenha perdido o RG, saiba que é preciso renová-lo. Se você está com o RG vencido, isso pode ocasionar diversos problemas, a exemplo de ser barrado em concursos públicos ou problemas com instituições bancárias.

Para emitir a segunda via do seu RG basta comparecer nas Secretarias de Segurança Pública (SSP) do seu estado ou no posto da Polícia Civil em sua cidade. Ao chegar nessa unidade, você fará a solicitação da segunda via.

Principais documentos para solicitar a segunda via do RG

Alguns documentos podem ser exigidos na hora de solicitar a segunda via do RG, como:

  • Fotos 3×4 recentes;
  • Certidão de nascimento;
  • Certidão de casamento;
  • Em caso de furto ou roubo, boletim de ocorrência;
  • CPF original;
  • Cartão do Cidadão.

Precisa pagar pela segunda via do RG?

Em alguns casos, é preciso pagar uma taxa de segunda via do RG, porém, você também pode ser isento desse pagamento. Por exemplo, se você teve a identidade furtada ou roubada, saiba que não é necessário pagar nenhuma vida.

Já nos casos de extravio, dano ou perda, a taxa será cobrada normalmente, variando de acordo com o estado e a cidade. O valor dessa taxa pode ser de R$ 20 a R$ 29,50.

Algumas pessoas estão isentas de taxa, independente da justificativa para emitir a segunda via do RG. São elas as mulheres com mais de 60 anos, homens com mais de 65 anos e no caso de erro na digitação do RG, em que conste o prazo de 90 dias.

Segunda via do CPF

Além do RG, você pode solicitar também a segunda via do CPF. Porém, isso depende de um fator, se você declara ou não imposto de renda.

Para aqueles que declaram o IR, basta acessar a página da Receita Federal, preencher os seus dados e visualizar o comprovante. Imprimindo esse comprovante, você já tem a segunda vida do CPF em mãos.

Por outro lado, quem não declara o IR, deve acessar o portal e-CAC, o Centro Virtual de Atendimento ao Contribuinte. O site é bem intuitivo e ele é o melhor caminho para tirar a segunda via desse documento.