Como combater o impulso de gastar

Aprender a combater o impulso de gastar é fundamental para ter uma vida financeiramente digna. Isso porque dinheiro não aguenta desaforo e, por isso, é preciso saber não só como ganhar, mas também como mantê-lo. E isso não é uma tarefa fácil, afinal, vivemos assediados pelo consumo em, praticamente, todos os ambientes por que passamos.

Seja na rede social, seja na rua ou em casa, gastar é algo incentivado o tempo todo. Por isso, é preciso saber como não ceder a impulsos inconsequentes com o dinheiro, a fim de saber tê-lo. Pensando em te ajudar com isso, selecionamos algumas dicas de como combater o impulso de gastar. Confira!

3 dicas de como combater o impulso de gastar

1. Não se iluda com promoções

Promoções são, muitas vezes, armadilhas para você gastar quando não precisa. Isso porque vemos as promoções como oportunidades imperdíveis e costumamos comprar apenas para dizer a nós mesmos: “fiz um bom negócio”! Mas pare para analisar isso. Você não precisa fazer um bom negócio quando não tem que fazer um negócio…

Portanto, antes de sair comprando mil coisas a preços promocionais, pense no que você realmente precisa. E mais: saiba que promoções vão e vêm o tempo todo! Relaxe!

2. Cuidado com cartões de crédito

Os cartões de crédito são os maiores impulsores de gastos desnecessários. Isso porque gastar no cartão não é como gastar no dinheiro. Ao pagarmos algo com dinheiro, tendemos a ser mais seguros, pois vemos o dinheiro saindo na hora. Mas, no cartão, essa ideia de “dinheiro saindo” não existe, pois é como se nos sentimos autorizados a gastar sem pensar, no momento, já que a cobrança vem depois.

Por isso, a melhor forma de começar a lidar bem com o cartão de crédito, a fim de combater o impulso de gastar, é tendo apenas um. Tenha só um cartão de crédito, administre um só limite e comece a contar com controles “externos” primeiro. Depois, você passa a controlar mais a si mesmo.

3. Não se deixe levar pelo sentimento de recompensa

Comida e dinheiro são duas armadilhas emocionais que aprendemos a cultivar. Isso porque descontamos tanto em um como no outro as nossas emoções, sejam boas ou ruins. A sensação de recompensa nos autoriza a gastar (muitas vezes, inclusive, para comprar comida!) e é exatamente esse o ponto que precisa ser controlado.

Para combater esse impulso de gastar pelo sentimento de recompensas imediatas, você precisa começar se organizando financeiramente. Isso porque, ao organizar suas finanças – abatendo as despesas ordinárias e extraordinárias – você irá ter uma visão real do dinheiro que realmente tem. A partir daí, a decisão de gastar irá sempre levar em consideração essas informações financeiras.

E aí, você precisa de ajuda para combater o impulso de gastar? Então, conte-nos o que achou deste artigo!